Plano de Marketing Digital, o que é e como criar?

Plano de marketing digital: o que é, porque e como fazer um.

Imagine que criou o seu negócio e, dando ouvidos a muitos amigos seus, decidiu se aventurar no mundo do Marketing Digital. Até ai tudo bem. Chega a hora de colocar a mão na massa e ai começam as dúvidas: como trabalhar esse tal do Marketing Digital. É ai que entra o planejamento. Um plano de marketing digital nada mais é do que um planejamento de ações, voltado para o a empresa, para um produto ou serviço que pretende trabalhar. É a partir deste plano que as ações estratégicas de seu negócio tomarão forma. Ainda que pareça irrelevante, fazer esse planejamento é de suma importância: imagine-se num barco no meio do oceano. Para onde ir? Como ajustar as velas? Se não souber fazer isso, inevitavelmente vai se perder e trabalhar muito mais para chegar a um porto seguro e pode até nem ser o porto que você queria ancorar originalmente.

Caso não se dedicar a este planejamento poderá perder tempo e dinheiro e ninguém gosta de perder nem um nem outro, imagina os 2 juntos. Agora que já sabemos o que é e porque deveremos fazer um, vamos aprender a fazer.

Criando um plano de marketing digital

Como já vimos um plano de marketing digital é importante para definir e organizar seus objetivos, metas, projetos, atividades, análise de dados do mercado, entre outros. Ou seja, é com ele que você aponta onde sua empresa pretende chegar com o marketing e quais são os caminhos que deve seguir para atingir esses objetivos.

Temos que ter em mente que não existe uma receita de bolo para fazer o planejamento porém, existem alguns pontos em comum a todos os bons planejamentos.

A seguir, veja alguns desses pontos para criar um plano de marketing digital campeão:

Pesquisa

Esta deverá ser sua etapa zero. Nesta etapa você vai definir os rumos da sua comunicação. Vai estudar a concorrência, analisar o mercado, identificar o seu público-alvo e personas e começar a ter em mente seus objetivos claros e concisos.  Sabendo o que a concorrência faz e como faz  vai permitir que você encontre falhas na comunicação deles e se aproveite dessas falhas. Saber o que está faltando ou o que já está saturado no mercado fará com que você se posicione melhor. Cruzar essas informações vai lhe dar insights muito bons para trabalhar o marketing digital.

Defina muito bem seus objetivos

Definir claramente seus objetivos é o primeiro passo do plano de marketing digital. Sem um objetivo, você não tem um ponto de chegada. Ou seja, não sabe onde focar seus esforços e quais atividades são relevantes para a estratégia. Seus objetivos ou metas têm que ser SMART – específicos, mensuráveis, ambiciosos, realistas e ter prazo.

Plano de ação

Agora as coisas começam a ficar interessantes! Já temos nossa tarefinha de casa feita e é hora de colocar em prática tudo aquilo que aprendemos sobre o mercado e a concorrência. Literalmente, aqui o céu é o limite. Dê asas à sua imaginação pois são inúmeras as possibilidades de trabalhar o marketing digital.

Defina os canais a serem utilizados

Como dissemos anteriormente, opções não faltam para divulgar sua marca na internet. Portanto, a definição dos canais a serem utilizados deve ser feita logo no início do projeto.

Analise quais são os canais – Facebook, Instagram, YouTube, Digital Influencers, blog corporativo, etc –  alinhados ao objetivo e que impactam suas personas. Tenha em mente que a grande variedade de canais não implica que você precisa usar todos — em vez disso, foque os esforços naqueles mais relevantes para seu plano de marketing digital. Melhor fazer um bem feito do que dois mal feitos lembre-se disso.

Uma dica aqui é testar os principais canais para identificar quais trazem bons resultados. Assim, aqueles que apresentam melhores performances — geram mais tráfego e conversão — devem ser mantidos. Enquanto os outros devem ser descartados.

Determine qual o conteúdo a ser veiculado

No marketing digital, o conteúdo é rei. À primeira vista, essa afirmação pode parecer um tanto exagerada. Mas saiba que o conteúdo é a base da comunicação e o que cria relacionamento entre o cliente e a empresa. Portanto, ele é a parte mais importante da estratégia. Como você irá atrair sua persona? E depois que atrair, o que vai fazer essa persona voltar? E efetivamente comprar seu produto ou serviço? Além disso, trabalhar o conteúdo certo no canal errado não vai lhe trazer efetividade nenhuma. Já pensou se Da Vinci não usasse um pincel para pintar a Mona Lisa?

Cronograma do seu planejamento de marketing digital

Muito provavelmente você vai atuar em várias frentes no seu planejamento. Imagine soltar uma informação de um produto inovador antes dele mesmo estar sendo desenvolvido. Poderá ser uma tragédia pois sua concorrência poderá começar a trabalhar num produto similar e lançar antes mesmo do seu estar pronto. Outro ponto fundamental ao trabalhar o marketing digital é a frequência do conteúdo para que sua audiência não se sinta abandonada.

Monitoramento

Objetivos traçados, planos de ação rolando e no final de tudo você não tá vendo resultado. Por quê? Podem existir 2 motivos para isso: ou o planejamento foi mal elaborado ou você não definiu os KPI’s – Indicadores Chaves de Performance – corretos. Saber qual métrica acompanhar e qual focar é muito importante e caso não esteja fazendo isso corretamente poderá estar se desviando de seu objetivo inicial.

Executar

Agora que o trabalho inicial foi feito, hora de por em prática e fazer ajuste finos ao longo do caminho. Temos objetivos e metas, planos de ação e tudo devidamente documentado é só seguir o cronograma.

Acredite, se está começando agora e seguir nossas dicas vai ver um resultado positivo antes do que imagina, e caso nunca tenha feito isso, passe a fazer. Vai notar a diferença.

Bonûs: Erros que acabam com o seu planejamento de Marketing Digital

Ignorar público-alvo

Para que se dar ao trabalho de definir público-alvo se no final você vai ignorá-lo? Esse é um erro crasso. Qualquer ação de marketing, para que funcione efetivamente, tem que ter uma boa comunicação com o seu público-alvo e se você simplesmente ignorar isso sua mensagem não vai chegar às pessoas certas ou pior, até vai mas não vai impactá-lo.

O perfil de seus consumidores não é variado! Defina um perfil e venda pra esse perfil! Ao fazer isso você vai conseguir conversar melhor com ele, cativar mais pessoas e fidelizar. Vai conseguir que seus clientes sejam advogados de sua marca. Use o conceito de persona para trabalhar melhor suas estratégias.

Achar que apenas um caminho é válido

“Já estou no Facebook então estou tranquilo. Impulsiono minhas publicações e sempre tenho várias curtidas. Não preciso de mais nada.” Quem nunca  ouviu isso. Outra clássica: ” Fiz curso de Adwords e sou craque nisso. Minhas campanhas são boas e não tou perdendo dinheiro”. Nada é tão bom que não possa melhorar. E nada é tão efetivo que não possa diversificar.

Mesmo que o LinkedIn não tenha o mesmo alcance do Facebook, você poderá encontrar parceiros para os seus negócios, clientes com um perfil melhor para a sua empresa. Ainda que suas campanhas sejam boas você pode estar gastando mais do que deveria e não estar otimizando seus lucros.

A grande dica é compreender os canais a utilizar e fazer conteúdo personalizado para eles.

Falta de critério na frequência

Postarei hoje e amanhã, mas próxima semana não vou divulgar nada. Vou divulgar sempre ao meio-dia. Nunca vou divulgar nada nos finais de semana. Vou divulgar tudo num dia só. Estes são alguns exemplos de falta de critério ao planejar a frequência de postagem do seu conteúdo.

Não analisar e mensurar seus resultados

É exatamente para evitar o item anterior que precisamos mensurar. Com dados concretos e concisos teremos informações para adequar nosso cronograma e tirar o máximo de nosso conjunto de ações estratégicas.

Definir objetivos irreais

Vou vender até a mãe! Não, isso não é bom. Colocar uma meta ou um objetivo intangível é penoso para qualquer estratégia. Se não conseguir, e provavelmente não o vai, logo nos estágios iniciais vai se frustrar e deixar de lado todo o trabalho que teve para montar seu planejamento.

Gostou de nossas dicas? Tem outras dicas legais para compartilhar? Deixa ai nos comentários, adoramos aprender coisas novas!

 

Deixe um comentário